Programa de Patrocínios do BB recebe inscrições até 31 de julho

O Banco do Brasil divulga o edital do Programa de Patrocínios 2013 com abertura das inscrições no 02.07.2012 e encerramento no dia 31.07.2012.

O objetivo do Programa é definir projetos a serem apoiados pelo Banco do Brasil em 2013, por intermédio de chamada pública, com inscrições pela Internet, análise por Comissões de Seleção Internas, aprovação pelo Conselho Diretor do Banco do Brasil e validação pela Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República – Secom/PR.

Política para patrocínios

Nos termos da Instrução Normativa SECOM/PR nº 01, de 08/05/2009, patrocínio é o “apoio financeiro concedido a projetos de iniciativas de terceiros, com o objetivo de divulgar atuação, fortalecer conceito, agregar valor à marca, incrementar vendas, gerar reconhecimento ou ampliar relacionamento do patrocinador com seus públicos de interesse”. Por determinação do TCU, exarada por meio do Acórdão 231/2010. de 24/02/2010, o Banco do Brasil analisa a relação custo x benefício de todos patrocínios que realiza, de forma que as contrapartidas obtidas estejam sempre compatíveis com o investimento alocado.

Tendo por base o disposto na mesma Instrução Normativa, não são considerados patrocínios:

a) doações: cessão gratuita de recursos humanos, materiais, bens, produtos e serviços que não seja divulgada e mantenha o doador no anonimato;

b) permutas ou apoios: troca de materiais, produtos ou serviços por divulgação de conceito e/ou exposição de marca;

c) projetos de veiculação em mídia ou em instalações que funcionem como veículo de comunicação, com entrega em espaços publicitários;

d) projetos de transmissão de eventos esportivos, culturais, informativos ou de entretenimento, comercializados por veículos de comunicação;

e) ações compensatórias: apoio a projetos cuja execução seja compulsória e prevista em lei;

f) locação de espaço e/ou montagem de estandes em eventos sem nenhuma contrapartida de comunicação;

g) ações realizadas pelo próprio Banco do Brasil.

Fases do Processo Seletivo

Após o período de inscrição, haverá três fases de análise dos pedidos de patrocínio:

a) 1º Fase: Análise: Triagem dos projetos quanto às regras previstas no Edital e seleção dos patrocínios com aderência aos critérios de avaliação. Os projetos pré-selecionados estarão divulgados neste site no menu “Resultado da Pré-Seleção”;

b) 2ª Fase: Habilitação. Análise da documentação e da situação cadastral do Proponente (Idealizador/Realizador e/ou Promotor/Captador). Os Proponentes dos projetos classificados na 1ª Fase deverão enviar a documentação, listada no item 4.2.2 do Edital, para o endereço que estará indicado neste site, no menu “Resultado da Pré-Seleção”. O prazo será de até 60 (sessenta) dias corridos, a partir da data de publicação do resultado;

c) 3ª Fase: Negociação. Representantes do Banco do Brasil entrarão em contato com os proponentes dos projetos classificados na 2ª Fase para negociar o valor do aporte do BB e as contrapartidas oferecidas, bem como demais aspectos relativos ao projeto que, sob a ótica do Banco do Brasil, demandem ajustes.

Edital: http://migre.me/9VTwg

Inscrições: http://migre.me/9VTCh

Fonte: Banco do Brasil

Anúncios

Caixa patrocina artesanato brasileiro

A Caixa Econômica Federal recebe projetos que visem o desenvolvimento de comunidades artesãs e a valorização do artesanato tradicional e a cultura brasileira, contemplando várias etapas do processo produtivo.

O edital entende por artesanato tradicional aquele que tem como marca distintiva seu enraizamento em determinada cultura, ou seja, que se trata de uma manifestação da cultura local.

O període de inscrição se encerra dia 7 de agosto de 2009.

O edital esta disponível no link abaixo

http://www.caixacultural.com.br/upload/arquivos/arq633798114468695140.pdf

Mais informações pelo site

http://www.caixacultural.com.br/html/main.html

Casa da Moeda do Brasil seleciona projetos

A Casa da Moeda do Brasil (CMB) abre seleção de patrocínios para instituições legalmente constituídas, sem fins lucrativos, que possuam projetos nas áreas esportivas, culturais e educacionais nas regiões da Zona Oeste da cidade do Rio de Janeiro e Baixada Fluminense do Estado do Rio de Janeiro. Serão disponibilizados pela CMB o valor total R$ 1 milhão para os patrocínios. Porém, serão investidos o valor de até R$ 25 mil em projetos esportivos, com viés educacional, cultuais e educacionais.

Os projetos serão selecionados de acordo com os critérios e quesitos específicos abaixo elencados:

A) Pertinência e relevância na área em que se insere (cultural, educacional e/ou esportivo):

• Consistência técnica, verificada na estruturação do projeto (seus objetivos, suas justificativas, …) e na prestação adequada das informações relativas à sua atividade fim.

• Alinhamento com as políticas públicas de inclusão social;

B) Abrangência educativa, comunitária e a capacidade de multiplicação e difusão da ação ou do produto:

 • Quantidade de pessoas atendidas.

•Quantidade de comunidades atendidas;

• Acessibilidade cidadã ao bem ou produto proposto, verificada na gratuidade e nos moldes oferecidos (diversidade de horários); • Formas e abrangência de divulgação.

C) Viabilidade de realização da ação ou produto:

• Coerência e consistência entre as ações do projeto e os custos apresentados;

• Viabilidade do projeto no prazo proposto.

 Para participar do edital, é necessário preencher o formulário através do site da Casa da Moeda http://www.casadamoeda. gov.br e enviá-lo com os documentos exigidos.

 As inscrições estão abertas até o dia 19 de junho e o resultado será divulgado no dia 29 de julho de 2009.

Edital disponível no link:

LINK DO EDITAL:
http://www.casadamo eda.gov.br/ portal/docs/ AtitudeCidada/ III-EDITAL- PROGRAMA- ATITUDE-CIIDADA. pdf

Porto Seguro apoia e patrocina projetos sociais e culturais

A Corporação Porto Seguro procura patrocinar e apoiar diversos tipos de projetos sociais e culturais, independentemente da exposição nos meios de comunicação ou da presença de nomes consagrados.

A Política de Patrocínio da Porto Seguro é compreendida como uma ação de comunicação de relacionamento com o cliente, com o objetivo de oferecer benefícios de qualidade vinculados ao cumprimento de sua missão e valores da empresa.
No intuito de descobrir e valorizar o potencial de novos talentos e promover a descentralizaçã o da cultura e a democratização da arte com qualidade.

Segmentos

* Culturais
* Sociais
* Educacionais

Diretrizes

* Vincular as ações de patrocínio e apoio à missão institucional da empresa e seus objetivos estratégicos;
* Estabelecer critérios objetivos em cada segmento previsto nesta Política de Patrocínio, para a apresentação, a avaliação e a seleção de projetos a serem apoiados;
* Descentralizar geograficamente a distribuição dos recursos de patrocínio e apoio, no âmbito do território nacional, tanto no aspecto da localização das entidades proponentes, quanto no do público
* beneficiário dos projetos e, sempre que possível, evitar concentração em determinadas regiões;
* Promover inovações, produções e divulgações tecnológicas, culturais e esportivas;
* Promover o desenvolvimento humano, a brasilidade e a auto-estima dos brasileiros;
* Promover a igualdade de gênero, a diversidade étnica e cultural;
* Promover a preservação ambiental e o desenvolvimento sustentável.

Critérios e Seleção

* Projetos que ofereçam benefícios aos clientes (desconto para o cliente e um acompanhante realizado mediante a apresentação da carteirinha de cliente Porto Seguro válido para todos os produtos);
* Localização e qualidade técnica do local (Teatro, Casa de Show ou Espaço Cultural);
* Criatividade e Objetividade do projeto;
* Abrangência Geográfica;
* Viabilidade do Projeto;
* Compatibilidade entre custos e benefícios.

Não serão aceitos projetos que tenham:

* Vínculo com empresas relacionadas direta ou indiretamente com os serviços oferecidos pela Corporação Porto Seguro;
* Ações que incitam violência, religião, drogas e sexo;
* Que não ofereçam benefício de desconto para clientes Porto Seguro;
* Que não atendam aos critérios de seleção acima.

Análise de Projetos

A análise de projeto será feita de forma transparente e clara considerando criteriosamente a sua adequação conforme os critérios de seleção.
Solicitação de Patrocínio e Apoio Cultural

Caso seu projeto atenda os requisitos pré-estabelecidos em nossa Política, você deve enviá-lo com as informações abaixo.

Todos os projetos encaminhados para fins de patrocínio da Porto Seguro deverão seguir o roteiro abaixo:
Roteiro para elaboração de projetos:

Apresentação
Mostre, resumidamente, a essência do projeto. A apresentação é parte fundamental do projeto. Neste item, o patrocinador/ apoiador deverá compreender de forma rápida a sua proposta. Informe, de maneira clara, breve e sucinta, os objetivos gerais, as atividades previstas, os principais profissionais envolvidos e o valor do investimento solicitado.

Justificativa
Informe por que e para que implementar o projeto. Ressalte aqui o público beneficiado, local de atuação, relevância do projeto, contexto artístico em que se insere o projeto, indicando o que ele agrega à sociedade.

Objetivos
Descreva os principais objetivos a serem alcançados pelo projeto.
O proponente deverá informar “o quê” pretende realizar de maneira clara e sucinta, além de descrever o que pretende atingir.

Temporada
Informe a temporada fechada com data, horário e local já definido.

Equipe
Relacione a equipe técnica, elenco, autor e direção do projeto.

Plano de Comunicação
Explique, brevemente, como você pretende divulgar seu projeto. Deve estar previsto no projeto um plano de comunicação e divulgação (veiculação na mídia impressa e eletrônica, material gráfico para distribuição, fotos, assessoria de imprensa etc.).

Cotas de Apoio e Patrocínio
Se o seu projeto já possui estas cotas de apoio, coloque descriminando os benefícios oferecidos de forma clara. Deixe claro se os valores são negociáveis.

Contato
Especifique o nome do produtor, endereço, telefones e e-mail para contato.

Solicitação de Patrocínio com uso de Lei de Incentivo – Rouanet

A Porto Seguro patrocina projetos aprovados pela Lei nº. 8.313, mais conhecida como Lei Rouanet, que é uma lei brasileira para incentivar investimentos culturais, que pode ser usada por empresas e pessoas físicas que desejam financiar projetos culturais.

ENTRE NO LINK ABAIXO E PREENCHA O FORMULÁRIO CAPA DE SOLICITAÇÃO PARA LEI ROUANET E SIGA TAMBÉM O ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS ABAIXO

http://www.portoseguro.com.br/live/documents/410e4123d0e849b8a5147f33a88af999.doc

Roteiro para elaboração de projetos

Apresentação
Mostre, resumidamente, a essência do projeto. A apresentação é parte fundamental do projeto. Neste item, o patrocinador/ apoiador deverá compreender de forma rápida a sua proposta. Informe, de maneira clara, breve e sucinta, os objetivos gerais, as atividades previstas, os principais profissionais envolvidos e o valor do investimento solicitado.

Justificativa
Informe por que e para que implementar o projeto. Ressalte aqui o público beneficiado, local de atuação, relevância do projeto, contexto artístico em que se insere o projeto, indicando o que ele agrega à sociedade.

Objetivos
Descreva os principais objetivos a serem alcançados pelo projeto.
O proponente deverá informar “o quê” pretende realizar de maneira clara e sucinta, além de descrever o que pretende atingir.

Cronograma das Atividades
Informe as atividades que você pretende desenvolver e os seus prazos. Relacione as principais atividades do projeto indicando o prazo para a realização de cada uma. Este item é de fundamental importância para o acompanhamento e a boa gestão do projeto.

Temporada
Informe a temporada fechada com data, horário e local já definidos.

Equipe
Relacione a equipe técnica, elenco, autor e direção do projeto.

Plano de Comunicação
Explique, brevemente, como você pretende divulgar seu projeto. Deve estar previsto no projeto um plano de comunicação e divulgação (veiculação na mídia impressa e eletrônica, material gráfico para distribuição, assessoria de imprensa etc.).

Cotas de Patrocínio e Apoio
Se o seu projeto já possui estas cotas de apoio, coloque descriminando os benefícios oferecidos de forma clara. Deixe claro se os valores são negociáveis.

Contato
Especifique o nome do produtor, endereço, telefones e e-mail para contato.

Período para recebimento e retorno de projetos:

PATROCÍNIO E APOIO CULTURAL: Não existe um período específico para envio de projetos, porém, recomenda-se que sejam enviados pelo menos quatro meses antes da data de estréia da ação.

A análise é feita no período máximo de 20 dias úteis a partir da data de recebimento do projeto, desde que o projeto contenha todas as informações solicitadas.

Como enviar o projeto?
Caso seu projeto atenda os requisitos aqui mencionados, você pode encaminhar o projeto por e-mail: cultura@portoseguro .com.br ou físico (impresso, CD e/ou DVD) para o endereço:
A/C: Departamento de Marketing – Institucional
Rua Guaianases, 1.238 – 5º andar – lado B
Campos Elíseos – CEP 01204-001 – São Paulo – SP

PATROCÍNIO COM USO DE LEI DE INCENTIVO – ROUANET
O período de recebimento de projetos para Lei Rouanet, agora, para 2010, é de 15 de setembro a 15 de novembro de 2009.
Depois deste período, os projetos passam por uma pré-avaliação e seleção pela Comissão da Lei Rouanet. O período de retorno aos responsáveis pelos projetos é até 15 de dezembro de 2009.

Como enviar o projeto?
Via e-mail: cultura@portoseguro .com.br ou físico (impresso, CD e/ou DVD) para o endereço:
A/C: Departamento de Marketing – Institucional
Rua Guaianases, 1.238 – 5º andar – lado B
Campos Elíseos – CEP 01204-001 – São Paulo – SP

Fonte: www.portoseguro.com.br

Instituto HSBC Solidariedade seleciona projetos de Educação

Como participar

O Instituto HSBC Solidariedade selecionará projetos de Educação que tenham como objetivo trabalhar na redução da vulnerabilidade de crianças e adolescentes aliada ao sucesso escolar.

Os projetos deverão ser formatados de acordo com o formulário padrão do Instituto HSBC Solidariedade, seguindo as diretrizes do regulamento desta seleção.

Nesse processo seletivo ocorre a participação ativa dos colaboradores das empresas do Grupo HSBC, incluindo agências e departamentos, que farão parte do processo de avaliação dos projetos. As unidades locais do HSBC, filiais Losango e HSBC Global Technology Brazil (GLTb) serão os padrinhos/madrinhas das instituições sociais, representando o elo entre a entidade apoiada e o Instituto HSBC Solidariedade. Para saber mais sobre as responsabilidades das agências e departamentos HSBC/Losango/GLTb e conferir o cronograma, acesse o regulamento da seleção.

Investimento

Para essa seleção serão destinados R$ 2.400.000,00 (dois milhões e quatrocentos mil reais) para apoio a projetos durante 24 meses. Este recurso é proveniente da contribuição dos clientes do Banco HSBC, portadores do Cartão Instituto HSBC Solidariedade. Serão selecionados 40 projetos, em todo o território nacional, os quais receberão até R$40.000,00 (quarenta mil reais) no primeiro ano e até R$ 20.000,00 (vinte mil reais) no segundo ano.

Período de inscrição de projetos

De 28 de abril a 21 de agosto de 2009.

Regulamento:

www.porummundomaisfeliz.org.br/selecaoihs-2009/downloads/regulamento_selecaodeprojetos.pdf

Formulário:

www.porummundomaisfeliz.org.br/selecaoihs-2009/downloads/formulario-selecao-cartao-2009.doc

Entenda como funciona o Processo de Avaliação de Projetos desta seleção:

1. Instituições Sociais

Procuram o Gerente Titular, em caso de agência, ou colaboradores das áreas administrativas para entregar o formulário e convidá-los a conhecer a entidade.

2. Agência ou Departamento*

Seleciona 01 projeto e envia para o Superintendente Regional (agência) ou Head (departamento).

3. Superintendente Regional ou Head

Seleciona 5 projetos e envia para o Instituto HSBC Solidariedade.

4. Instituto HSBC Solidariedade

Recebe os projetos, realiza a avaliação técnica e indica os melhores colocados para o Comitê de Sustentabilidade Corporativa.

5. Instituto HSBC Solidariedade

Publica o resultado da seleção no site www.porummundomaisfeliz.org.br

* Agências ou Departamentos do HSBC e Losango e GLTb. Todas as unidades participam desta seleção.

Fale com o Instituto HSBC

Para entrar em contato com o Instituto HSBC Solidariedade envie sua mensagem para o e-mail hsbc.solidariedade@hsbc.com.br, com o assunto: “Seleção de Educação – Cartão Instituto HSBC Solidariedade”.

Carrefour seleciona projetos para patrocinar

O Carrefour lançou o edital “Jovens em Transformação”, e receberá até o dia 13 de março deste ano, inscrições de projetos voltados para a preparação e qualificação de jovens, entre 16 e 24 anos, para o mercado do trabalho. Serão escolhidos três projetos que, receberão individualmente um valor máximo de 83.000 euros, proveniente da Fundação Internacional Carrefour, para ser usado no prazo de um ano.

É também necessário que a proposta contemple a geração de renda, de modo a garantir a auto-sustentação financeira do projeto também no médio e longo prazo. Os recursos obtidos com estes programas devem ser convertidos em benefícios e manutenção econômica da própria instituição, bolsa-auxílio ou em ajuda de custos para os jovens e suas famílias.

“Decidimos apoiar esse tipo de projeto, porque acreditamos na capacidade de transformação dos jovens e valorizamos o trabalho das instituições que criam espaços e oportunidades para o crescimento pessoal e profissional desses jovens”, declara o diretor do Instituto Carrefour, Antônio Uchoa.

“Entendemos também que as organizações necessitam de ajuda para ampliar e melhorar seus resultados. Mas os projetos precisam contar com suas próprias fontes de recursos para que se mantenham ao longo do tempo e as mudanças sejam efetivas” afirma Uchoa.

Os programas a serem inscritos devem prever um período mínimo comprovado de qualificação de dois anos. Para participar, os jovens devem estar cursando ou ter concluído o Ensino Fundamental e Médio e ser de uma família de baixa renda e situação de risco social, de acordo com os critérios previamente estabelecidos.

Para a escolha dos trabalhos será formado um “Comitê de Seleção”, com participantes indicados pelo Instituto Carrefour, que tenham comprovadamente experiência nas áreas de abrangência do tema e sem nenhum vínculo com as iniciativas inscritas.

Poderão participar entidades sem fins lucrativos como associação, fundação ou cooperativa, que atuem diretamente em uma das cidades ou regiões metropolitanas previamente definidas: Manaus (AM), Fortaleza (CE);Brasília (DF); Vitória (ES); Goiânia (GO);Campo Grande (MS); Belo Horizonte, Contagem, Juiz de Fora, Uberlândia, Uberaba (MG);João Pessoa (PB); Curitiba, Londrina, Pinhais (PR); Recife (PE); Porto Alegre, Caxias do Sul, Novo Hamburgo, Canoas, Santa Maria, Gravataí (RS); Natal (RN); Rio de Janeiro, São Gonçalo, Niterói, Alcântara, Santa Cruz, Belford Roxo, Duque de Caixas, Campo Grande(RJ).

As fichas de inscrição poderão ser acessados no site www.carrefour.com.br, no Menu Responsabilidade Social/Jovens em Transformação.O processo será efetuado por meio da análise do material de inscrição que poderá ser enviada, exclusivamente, pelos Correios até o dia 13 de março. Não serão aceitas propostas apresentadas por fax, e-mail ou entregues pessoalmente, ainda que dentro do prazo.

O material deverá ser enviado para: Rua Paul Valery, 255 – Granja Julieta – CEP 04719-050 – São Paulo – SP. A/C “Responsabilidade Social – Jovens em transformação”.

O edital encontra-se no link abaixo:

http://www.carrefour.com.br/web/br/institucional/download/Jovens_em_transformacao_Edital.pdf

Formulário de inscrição

http://www.carrefour.com.br/web/br/institucional/download/Formulario_Jovens.doc

Planilha financeira

http://www.carrefour.com.br/web/br/institucional/download/Planilha.xls

Informações sobre Inscrições:

http://www.carrefour.com.br/web/br/institucional/Jovens_inscricao.aspx

 

Publicado em www.gife.org.br

Instituto Votorantim divulgou projetos selecionados

O Instituto Votorantim divulgou o resultado da terceira seleção pública do Programa de Democratização Cultural Votorantim, que analisou 2.151 projetos inscritos por proponentes de todo o Brasil. O investimento de R$ 4 milhões será destinado a 16 projetos das mais diversas áreas culturais e de todas as regiões do País. Todas as propostas têm a democratização cultural como eixo central.

 

Os novos projetos selecionados para 2009 foran os seguintes:

Ação Educativa do Instituto Cultural Inhotim
Minas Gerais

Projeto que promove o acesso qualificado e visitação continuada ao Museu de Inhotim, criado em 2005, e que possui um dos mais importantes acervos de arte contemporânea do País, além de uma extensa coleção botânica. Trata-se de um programa de interlocução com a rede pública de ensino, que abrange a formação de 100 professores de Brumadinho e região, além de visitação escolar de 3 mil alunos de baixa renda, preferencialmente do Ensino Médio (de 15 a 18 anos).

     

Centro de Movimento Deborah Colker
Rio de Janeiro

    

Centro de Movimento Deborah Colker
Rio de Janeiro

Companhia referência mundial na área de dança, que promoverá a criação de um grupo de dança composto por 15 jovens em situação de vulnerabilidade social, com idades entre 15 e 24 anos. O projeto contempla a formação artística dos jovens, produção de espetáculo e realização de apresentações a preços populares.


     

Concertos Didáticos – Quarteto Radamés Gnattali
Acre, Piauí e Mato Grosso

   

Concertos Didáticos – Quarteto Radamés Gnattali
Acre, Piauí e Mato Grosso

Projeto de quarteto de cordas formado por músicos premiados, que integram posições de liderança nas principais orquestras sinfônicas brasileiras. O projeto viabiliza a apresentação de concertos didáticos de música erudita em escolas públicas de 15 cidades, visando traçar uma breve história da música clássica nacional e internacional. Atingirá cerca de 3 mil jovens.

     

Conexão Felipe Camarão
Rio Grande do Norte

    

Conexão Felipe Camarão
Rio Grande do Norte

Projeto que integra 400 jovens em ações baseadas na cultura de tradição oral, a partir dos patrimônios imateriais locais. Prevê a implantação do Núcleo de Teatro e Núcleo de Figurinos e Adereços, para formação de 200 jovens como agentes culturais da região.

     

Ensaiando um País Melhor!
São Paulo

    

Ensaiando um País Melhor!
São Paulo

Projeto existente desde 2005, beneficiando mais de 10 mil pessoas. Sagrou-se vencedor do prêmio TOP SOCIAL 2008, entregue pela ADVB-RJ. O projeto visa a formação de público para o teatro, oferecida gratuitamente para 50 educadores e 2 mil alunos. Aos educadores, é oferecido um espaço para reflexão de novos usos do teatro em sala de aula. Para os alunos, oficinas lúdicas de preparação para assistir a um espetáculo, seguidas de discussão.

     

Entrando na Dança – Associação Cultural Panorama
Rio de Janeiro

    

Entrando na Dança – Associação Cultural Panorama
Rio de Janeiro

Patrocínio às ações de formação do Festival Panorama de Dança, considerado referência na produção, promoção e reflexão sobre a dança. O projeto consiste em módulos mensais de workshops com duração de uma semana, atingindo 720 jovens de 15 a 24 anos. Os workshops serão seguidos de 48 apresentações em quatro localidades diferentes, atingindo 12 mil pessoas, das classes C, D e E. O projeto também prevê a capacitação de 10 monitores nas comunidades.

     

Expedições Patrimoniais
Bahia

   

Expedições Patrimoniais
Bahia

Formação artístico-cultural na área de patrimônio e capacitação de 240 jovens, de 15 a 25 anos, cursando Ensino Fundamental e Médio, para mediação cultural nas localidades onde residem. O projeto prevê a instalação de exposição itinerante nas cidades, sobre o patrimônio cultural da Bahia.

     

10º Festival de Jazz e Blues de Guaramiranga
Ceará

    

10º Festival de Jazz e Blues de Guaramiranga
Ceará

Patrocínio ao segmento artístico-pedagógico de um dos mais importantes festivais brasileiros de música, reconhecido por sua qualidade artística e musical. Em sua 10ª edição, o festival contará com mais de 40 apresentações em teatros e praças públicas, além de oficinas, workshops, exposições e outras atividades.

     

5º Festival de Jovens Realizadores do Audiovisual da América do Sul
Espírito Santo

    

5º Festival de Jovens Realizadores do Audiovisual da América do Sul
Espírito Santo

Festival audiovisual com foco no público jovem. Engloba desde a criação de produções audiovisuais, organização do evento, até a participação no júri de seleção. Trata-se de mostra de filmes e vídeos produzidos por jovens latino-americanos de até 24 anos, participantes de projetos sociais e culturais que atuam na área audiovisual. O Festival oferece oficinas, encontros e palestras, atingindo 4 mil pessoas.

     

Filarmônica Nossa Senhora da Conceição
Sergipe

  

Filarmônica Nossa Senhora da Conceição
Sergipe

O projeto tem como objetivo a continuidade do trabalho centenário da instituição musical mais antiga do País. Contempla a contratação de 10 professores, formação de 30 músicos monitores, além de estruturação do atendimento aos 500 alunos atuais.

     

Formação de Palhaço para Jovens – Doutores da Alegria
São Paulo

    

Formação de Palhaço para Jovens – Doutores da Alegria
São Paulo

Projeto do grupo Doutores da Alegria, que há 17 anos realiza trabalho artístico de referência em hospitais. O projeto visa a formação artística com ênfase na linguagem do palhaço, para 25 jovens entre 17 e 23 anos, provenientes de regiões periféricas de São Paulo. A formação contempla a ampliação de repertório, capacitação e inserção no mercado de trabalho.

     

Fotolibras – Eduardo Queiroga
Pernambuco

    

Fotolibras – Eduardo Queiroga
Pernambuco

Projeto existente desde 2006, sendo administrado pela Federação Nacional de Educação e Integração dos Surdos, em parceria com importantes instituições internacionais. Trata-se de um curso de fotografia participativa com 30 jovens surdos e 10 multiplicadores. Prevê a elaboração de ensaios fotográficos sobre a realidade e a cultura surda, o fortalecimento das ações de multiplicadores do projeto, e a realização de oficinas de fotografia no interior do estado de Pernambuco.

     

Oficinas Itinerantes Vídeo Tela Brasil
São Paulo e Rio de Janeiro

    

Oficinas Itinerantes Vídeo Tela Brasil
São Paulo e Rio de Janeiro

Projeto existente desde 2004, com envolvimento de profissionais reconhecidos no meio audiovisual, como Laís Bodansky, João Moreira Salles e Cao Hambúrguer. Trata-se da realização de oficinas com duração de 4 finais de semana, em seis comunidades de São Paulo e Rio de Janeiro. O projeto visa oferecer ferramentas de criação e expressão audiovisual, contemplando a produção de 3 curtas por comunidade e palestras de roteiristas ou diretores de renome. Serão atendidos 25 jovens de baixa renda em cada oficina.


     

Planeta Música
Santa Catarina

   

Planeta Música
Santa Catarina

Projeto de difusão da música erudita, com importante estratégia de mediação com público jovem. Realização de oito concertos didáticos da Orquestra de Cordas Catarinense, em escolas públicas participantes do Programa Escola Aberta para a Cidadania. O concerto conta com apresentação dos instrumentos e da biografia dos compositores. Abertos ao público em geral, atinge uma média de 400 pessoas por apresentação.

     

Teatro Laboratório para Imaginação Social – Ói Nóis Aqui Traveiz
Rio Grande do Sul

 

Teatro Laboratório para Imaginação Social – Ói Nóis Aqui Traveiz
Rio Grande do Sul

Projeto de grupo teatral com 30 anos de atuação e diversas iniciativas desenvolvidas, com linguagem popular e acessível de teatro de rua. Realização de oficinas para formação de atores, teatro de rua e teatro livre. Engloba o estímulo à formação de grupos na comunidade e a promoção de circuito de 30 apresentações de jogos de aprendizagem. Prevê o envolvimento de 1.500 pessoas.

     

Viva Villa
Rio de Janeiro

    

Viva Villa
Rio de Janeiro

Exposição gratuita sobre Villa-Lobos, a ser realizada no Arquivo Nacional, que contará com cenografia, artes plásticas, grafismos, cinema e música, retratando a trajetória de vida do maestro. A exposição contará com 20 jovens monitores, que visitarão escolas, projetos e ONGs, atingindo 160 mil jovens.

 

Mais informações http://www.democratizacaocultural.com.br/Paginas/Home.aspx