16º Prêmio Expressão de Ecologia

Apoiado pelo Ministério do Meio Ambiente, o 16º Prêmio Expressão de Ecologia está aberto a trabalhos ambientais realizados nos três estados do Sul. Para participar, basta redigir o case, seguindo as instruções do regulamento. As inscrições para a premiação estão abertas até o dia 15 de agosto de 2008.

 

Objetivos

 

O prêmio pretende divulgar os esforços de empresas e instituições no sentido de diminuir os impactos da poluição no meio ambiente e contribuir para a conservação dos recursos naturais e o desenvolvimento da consciência ambiental. O concurso está aberto às empresas, instituições, ONGs e entidades de classe instaladas nos estados do Paraná, de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul.

 

Inscrição

 

O envio dos trabalhos pode ser feito até o dia 15 de agosto de 2008. O case deve ser enviado, obrigatoriamente, pela internet através do e-mail premio.ecologia@expressao.com.br (em formato Word ou PDF) e pelo Correio (versão impressa), em quatro vias. A versão impressa pode ser entregue pessoalmente, na sede da Editora Expressão, ou via correspondência, valendo a data de postagem. O endereço para remessa dos cases é:

 

Editora Expressão
A/C Coordenação do Prêmio Ecologia
Av. Rio Branco, 380 – 6º andar
CEP 88015-200 – Florianópolis – SC
Fone: (048) 3222-9000.
E-mail:
premio.ecologia@expressao.com.br

 

Cases

 

Só serão aceitos cases de empresas e instituições que estiverem em dia com a legislação ambiental brasileira, sob pena de desclassificação.

 

Os cases devem conter uma descrição das atividades desenvolvidas pela empresa ou instituição no âmbito ambiental, com os devidos documentos comprobatórios. A ficha de inscrição poderá ser enviada previamente, através de formulário online, disponível neste site, e deve conter um resumo do trabalho inscrito, com até cinco linhas.

É imprescindível o envio do arquivo eletrônico do case participante para o e-mail premio.ecologia@expressao.com.br antes do término final das inscrições. O case poderá ser enviado nos formatos Word ou PDF.

 

Serão premiados os cases vencedores nas seguintes categorias:

 

  • Controle da Poluição – esta categoria subdivide-se por setores produtivos da economia e áreas de atuação.
  • Gestão Ambiental – esta categoria subdivide-se por setores produtivos da economia e áreas de atuação.
  • Conservação de Insumos de Produção. Subdividida em: 
      • Água
      • Energia (consumo racional, produtos poupadores, fontes alternativas e
        co-geração)
      • Recursos Minerais (solo e subsolo)
  • Manejo Florestal.
  • Agropecuária.
  • Recuperação de Áreas Degradadas.
  • Programas de Prevenção de Riscos e Desastres Ambientais.
  • Entidade de Classe.
  • Conservação de Recursos Naturais.
  • Reciclagem.
  • Conservação da Vida Silvestre.
  • Educação Ambiental.
  • Marketing Ecológico.
  • Inovação Tecnológica.
  • Tecnologia de Controle Ambiental.
  • Tecnologias Socioambientais.
  • Bem-Estar Animal.
  • Turismo e Qualidade de Vida.

* As categorias Conservação de Recursos Naturais, Reciclagem, Conservação da Vida Silvestre, Educação Ambiental, Marketing Ecológico, Tecnologias Socioambientais e Bem-Estar Animal estão subdivididas em:

 – Empresas Privadas

 

 – Setor Público (Nacional/Estadual/Municipal)

 – ONGs

 

Entre os cases premiados, um poderá ser objeto de premiação especial.

 

Júri e Julgamento

 

A Editora Expressão terá função de coordenação junto a júri previamente escolhido, levando-se em conta o conhecimento técnico, a projeção pessoal e a credibilidade de cada um dos participantes.O júri é soberano e ao seu julgamento não caberá nenhum tipo de recurso.

 

Durante o processo de julgamento, o júri poderá solicitar informações complementares sobre cada case, assim como documentos comprobatórios.

O júri baseará seus critérios de julgamento na legislação vigente e nos seguintes parâmetros de avaliação, considerando a categoria em que a empresa, instituição, ONG ou entidade de classe está competindo:

 

a) Sistema de gestão e auditoria ambiental institucionalizado.
b) Otimização do processo de produção quanto aos balanços de massa e energia, com mínimo de geração de efluentes líquidos e gasosos e de resíduos sólidos.
c) Utilização da melhor tecnologia disponível (privilegiando a criatividade e a inovação) para controle da poluição, seu monitoramento e destino de resíduos.
d) Relação custo-benefício, inclusive ambiental, e cronograma físico-financeiro da implementação do projeto.
e) Harmonia da integração com as entidades de proteção ambiental, comunidades interna e externa e público consumidor.
f) Potencial de difusão. Ou seja: replicabilidade.
g) O júri levará em consideração os documentos gerados pelos processos de regulamentação da série ISO 14000 e da Agenda 21.

 

Ficha de Inscrição e Regulamento

Regulamento: http://www.expressao.com.br/ecologia/regulamento/reg_2008.doc

Inscrição: http://www.expressao.com.br/ecologia/frames/inscreva.htm

Mais informações

http://www.expressao.com.br/ecologia/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s